terça-feira , 20 Fevereiro 2018

No Banner to display

Jornalista morre eletrocutado após sair de piscina para cantar com banda em festa

Compartilhe:

Santa Catarina – Um jornalista de 34 anos morreu no último domingo, em Balneário Camboriú, em Santa Catarina, após levar um choque ao sair de uma piscina. Segundo o Corpo de Bombeiros, ele sofreu uma parada cardiorrespiratória.

De acordo com os Bombeiros, Tadeu Spilere estava em uma festa quando aconteceu o incidente. Participantes da reunião contaram aos socorristas que o jornalista estava em uma piscina, quando foi convidado pela banda que tocava na festa a cantar uma música. Ele foi eletrocutado ao segurar o microfone. Os bombeiros tentaram reanimar Tadeu, mas ele já estava sem sinais vitais.

O corpo de Tadeu foi enterrado na tarde desta segunda, em Nova Veneza, no interior catarinense. O município decretou luto oficial de três dias. Nas redes sociais, amigos e parentes lamentaram a morte do jornalista. “Como é difícil acreditar. Como dói o coração saber que não vou ver mais esse sorriso fácil e ouvir aquela música boa saindo do violão”, escreveu uma amiga de Tadeu. “Muito obrigado por fazer parte da minha história, jamais te esquecerei”, disse outro amigo de Spilere

Fonte:O Dia

Veja Também

Em Rio Branco chuva atingiu áreas consideradas nobres na região do bairro do Bosque, ilhando dezenas de famílias

Rio Branco, AC – Dezenas de moradores da Rua do Futuro, na região do bairro do …

No Banner to display



Deixe seu Comentário

comentários



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *